02.jpg
  help
Metropolitana
Sexta-feira, 23 Março 2018, 18:30
PEÇAS DE CONCERTO | SOLISTAS DA METROPOLITANA
Sexta-feira, 23 de março, 18h30, Ler Devagar (Lx Factory)

C. Reinecke Trio para Clarinete, Trompa e Piano, Op. 274
F. Mendelssohn Peça de Concerto N.º 1, Op. 113
F. Mendelssohn Peça de Concerto N.º 2, Op. 114
R. Schumann Três Romances, para clarinete e piano, Op. 94

Nuno Silva, Jorge Camacho (clarinetes), Jérôme Arnouf (trompa), Anna Tomasik (piano)

Os percursos artísticos de Felix Mendelssohn, Robert Schumann e Carl Reinecke coincidiram na década de 1840 em Leipzig, a segunda maior cidade do Reino da Saxónia, hoje região leste da Alemanha. Mendelssohn tornou-se diretor musical da Orquestra Gewandhaus de Leipzig no final de 1835. Com apenas 26 anos de idade, assumiu essa função institucional de grande responsabilidade, a qual manteria até ao final da vida, em 1847. Por seu turno, Schumann estabelecera-se em Leipzig em 1828, para estudar Direito. Ali permaneceu quando enveredou pela carreira de músico, dois anos mais tarde. Os dois músicos colaboraram profissionalmente em diversas ocasiões e admiravam-se mutuamente. Mais jovem, também pianista, Reinecke recebeu aulas de ambos e, sob muitos aspetos, perpetuou essa herança. Mais tarde, em 1860, também ele viria a dirigir a Orquestra Gewandhaus.

Ao encontro desta confluência, o presente programa reúne obras de câmara de cada um destes compositores. Tem início com aquela mais tardia, um Trio para Clarinete, Trompa e Piano que Reinecke compôs já com 81 anos. Reflete-se nesta partitura a experiência e o conhecimento de toda uma vida, uma sonoridade bastante mais robusta e harmonicamente depurada do que as obras do seu início de carreira. Recua-se então até início de 1833, com duas pequenas peças virtuosísticas que Mendelssohn escreveu em Berlim por ocasião de uma visita do prestigiado clarinetista Heinrich Baermann e de seu filho Carl, que tocava Corno di Bassetto, instrumento que hoje substituímos pelo clarinete baixo. Por fim, recuperamos na versão para clarinete e piano o presente que Schumann ofereceu no Natal de 1849 a sua mulher, a pianista Clara Schumann. Originais para oboé e piano, são três fantasias musicais carregadas de romantismo.
Localização : Auditório / Galeria

Voltar

Rua Rodrigues Faria,n. 103 - Ed. G - 0.3, 1300-501 LISBOA (Antiga Gráfica Mirandela em Alcântara)